“Turnê Clube da Esquina”

Compartilhar com:

As canções nasceram em terras mineiras. Foram buriladas, no Clube da Esquina, desde os idos de 1972. Novamente, os belorizontinos — ou você que se encontra na cidade — poderá ouvi-las. São canções dos “álbuns ‘Minas’ e ‘Gerais’ cantadas pelos notáveis do Clube da Esquina. As apresentações, conduzidas por  Milton Nacimento,o Bituca, ocorrerão no Palácio das Artes nos 28, 30 e 31 de março. para apresentar a turnê inédita “Clube da Esquina”.

A apresentação desta quinta-feira (28) será às 21h30min. As de sábado (30) e domingo (31)ocorrerão respectivamente às 21h e 19h, no Palácio das Artes –  Av. Afonso Pena, 1537 – Centro. Na semana passada, o espetáculo do Clube da Esquina foi em Juiz de Fora. Lá, onde iniciou a Turnê Clube da Esquina, o cantor afirmou, numa entrevista ao Jornal Estado de Minas que:

Começar um show novo nunca é uma coisa tão simples.Mas confesso que nunca me senti tão bem no início de uma turnê como estou me sentido agora. Todo mundo estava na mesma sintonia e a coisa funcionou tão bem que não vamos mudar praticamente nada.Outro lance muito importante neste início foi a presença do Samuel Rosa no primeiro show. Além de ter feito uma participação surpresa, ele deu o maior apoio para a gente. O Samuel Rosa não existe, é um cara muito especial.

Nesse caso, Milton ressaltava as músicas — Trem azul e Paula e Bebeto — cantadas por Samuel Rosa, vocalista e guitarrista do Skank, que assim manifestou:

Ter sido chamado me mobilizou emocionalmente ainda mais para uma estreia de uma turnê tão importante, que joga luz num ponto tão primordial da carreira do Milton. Foi catártico, um dos principais momentos da minha carreira.

A turnê Clube da Esquina continua, então, nesses três dias, em Belo Horizonte. Assim, o público que comparecer, no Palácio das Artes, ouvirá Milton Nascimento com o seu primoroso repertório.

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *