Policial militar alagoana vence a XV Corrida Tiradentes da Paraíba

Policial militar alagoana vence a XV Corrida Tiradentes da Paraíba

25/04/2018 Atividades físicas e desportivas 0
Policial militar alagoana vence "Corrida Tiradentes" da Paraíba

Uma postagem publicada, no portal da Polícia Militar do Estado de Alagoas (PMAL) informa que uma policial militar alagoana vence a XV Corrida Tiradentes da Paraíba.

Na realização “da XV Corrida Tiradentes”, de iniciativa da Polícia Militar da Paraíba (PMPB), “na orla de João Pessoa e “no último sábado (21),” lá estava a “tenente Jackeline Carnaúba, lotada no 2º Batalhão de Polícia Militar”, da PMAL, que conquistou o “2º lugar de sua categoria, na prova de 10km”, classificando-se na sexta posição geral daquela competição.

O evento esportivo ora destacado é similar ao que “acontece em Alagoas, a corrida de rua objetiva homenagear o patrono das polícias militares e civis do Brasil, Tiradentes, e ainda estimula a prática de atividade física entre os competidores.”

Eis mais informações publicadas, destacando que policial militar alagoana vence a XV Corrida Tiradentes da Paraíba:

Entre os participantes do evento esportivo estava a oficial alagoana, que participa pela terceira vez de uma competição dessa natureza fora de seu Estado. Jackeline ficou na 6ª colocação geral feminino da prova de 10 km, e na 2ª colocação entre as policiais femininas (PFEm), registrando o tempo de 58min18seg, e destaca a importância do momento em sua vida.

“Estou na reta final do Curso de Instrutor de Educação Física (CIEF), promovido pela Polícia Militar da Paraíba (PMPB) para os profissionais de Segurança Pública, e fui escolhida dentre as PFEm do turno para participar da corrida e representar o curso e, consequentemente a PMAL. Cada corrida é uma superação. Devemos ter determinação em tudo que fazemos e não deixar espaço para o desânimo”, explicou a militar.

Ela ainda ressalta que a atividade física é essencial para a atividade policial, ‘uma vez que a profissão trata diariamente com fatores de riscos que envolvem capacidades físicas e psicológicas, exigindo assim um preparo tanto do corpo quanto da mente, para o cumprimento da missão da preservação da ordem pública’.

Com informações da PMAL

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *