Policiais militares sergipanos realizaram uma etapa do projeto “Agreste pela Vida” em Moita Bonita-SE

 

Os profissionais sergipanos de polícia ostensiva e preservação da ordem pública, desenvolveram, na última segunda-feira (23), “mais uma etapa do ‘Projeto Agrevida’ [Agreste pela Vida], dessa vez, na Escola Municipal Manoel Alves Barreto, Povoado Campo Grande, e na Escola Rural Professora Aurinha Vieira de Meneses, no Povoado Capunga, ambas no município Moita Bonita, região do Agreste sergipano.”

As ações de polícia na comunidade foram conduzidas pelos policiais militares “do 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM)” da “Polícia Militar do Estado de Sergipe” (PMSE). Realizaram-se, naquela oportunidade, “palestras e passadas orientações acerca de temas como violência, drogas e comportamentos sociais, visando a contribuir com uma sociedade mais organizada e estruturada.”

O “Agreste Pela Vida (Agrevida)” é uma estratégia de polícia ostensiva implementada “por meio do trabalho socioeducativo e preventivo, os laços entre estudantes, professores, funcionários e a Polícia Militar. A iniciativa é coordenada e executada pelo 2° tenente Soares, com total apoio do comandante do 3° BPM, o major Sidney.”

 

Fonte: PMSE.

0

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*