1

“Embaixador mineiro do Proerd se prepara para representar o Brasil nos EUA”

O Portal da Polícia Militar do Estado de Minas Gerais (PMMG) publicou uma notícia com o título destacado neste post: “Embaixador mineiro do Proerd se prepara para representar o Brasil nos EUA”.

Notícias sobre o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) têm sido publicadas neste Pontopm, conforme se vê a que é destacada em seguida:

Em Serra (ES) policiais militares capixabas participaram da formatura de 700 crianças, aproximadamente, no Proerd

Releva salientar que o Proerd tem sido uma estratégia de polícia comunitária amplamente praticada pelas polícias militares brasileiras.

Na reportagem do portal da PMMG, da autoria da jornalista Killzy Lucena, verifica-se que:

Em Minas, o programa já é desenvolvido há quase 20 anos e atendeu aproximadamente 3 milhões de pessoas entre crianças, adolescentes e pais.

Leia mais informações, sobre a trajetória e a escolha do jovem embaixador mineiro que comparecerá no D.A.R.E, aa notícia transcrita abaixo:

Pela primeira vez o Conselho Consultivo de Jovens (Youth Advisory Board – YAB) do D.A.R.E. America abriu uma vaga no conselho e ela foi para o estudante do 2º ano Samuel Ferreira Miranda, que foi apresentado oficialmente ao comandante-geral da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), coronel Helbert Figueiró de Lourdes. Estiveram presentes também na reunião o subcomandante-geral, coronel André Agostinho Leão de Oliveira, e o pai de Samuel, o cabo PM Dalton, lotado em Varginha, que também é instrutor do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd).

Samuel Ferreira Miranda, de 15 anos de idade, foi selecionado no concurso para embaixador do Proerd, será um dos membros do conselho por dois anos e já participará da 30ª Conferência Internacional do D.A.R.E. America, nos próximos dias 11, 12 e 13 de julho, no Texas, com a participação de jovens, educadores e policiais de diversos países. Para ele, o sentimento é de muita alegria porque está realizando o sonho de representar o País. “Isso está me fazendo estudar mais, me incentivando a interagir com o máximo de pessoas lá para que eu possa desempenhar meu papel com a maior eficiência possível”, adiantou Samuel.

Segundo ele, o primeiro envolvimento com o Proerd veio com a visão do pai, que é policial militar e instrutor do programa. No 5º e no 7º ano, Samuel cursou e formou no Proerd. “Do curso eu apreendi a tomar decisões, ter senso crítico do mundo e tomar decisões saudáveis. E o que eu digo para as criança e adolescentes é que pensem melhor e que não sigam as influências que estão a sua volta; seja vocês mesmos porque é isso que faz uma sociedade melhor”, aconselhou o embaixador.

A família e o estudante ficaram muito felizes quando receberam a notícia dele ter sido finalista do concurso, afinal Samuel disse que viu que se encaixava nos requisitos, mas por ter sido uma seleção acirrada teve se esforçar ao máximo. Perguntado sobre o que mais quer realizar durante sua permanência no conselho, Samuel disse: “Meu maior objetivo é tornar o programa mais eficiente no nosso país. Sabemos que um programa que vem de fora, por questões culturais, ainda pode ser melhor adaptado pra realidade daqui”.

Para o cabo Dalton, pai do embaixador do Proerd, a seleção do filho é motivo de muito orgulho para ele e para a mãe do rapaz. “Muita coisa vai acontecer na vida dele, mas temos a tranquilidade de que ele vai representar bem, que vai ser uma pessoa relevante aonde quer que ele vá”, disse o policial militar, que comentou que no Proerd trabalha a imagem do policial militar com as crianças e junto a sociedade, “quebrando muitos paradigmas, muitos medos, e o Samuel vai poder multiplicar isso e apoiar a PM”.

DEFERÊNCIA

Para o comandante-geral, coronel Helbert, o Proerd é um programa com foco de ação junto à comunidade e tratado com muita atenção e cuidado na PMMG. “Recebemos essa deferência de permitir designar um dos nossos alunos, que será um representante da América Latina na verdade, e com isso temos a sensação de que estamos trabalhando o Proerd com seriedade. Desejamos ao Samuel, por todos os atributos que lhe fizeram campeão, muito boa sorte nessa oportunidade de representar o Brasil nos EUA”, felicitou o comandante-geral.

Para a subdiretora da Diretoria de Apoio Operacional (DAOP), da PMMG, a tenente-coronel Lirliê Aparecida de Souza Alvez, o Proerd é o principal programa de prevenção às drogas desenvolvidos em Minas Gerais e no Brasil. Em Minas, o programa já é desenvolvido há quase 20 anos e atendeu aproximadamente 3 milhões de pessoas entre crianças, adolescentes e pais.

“Agradecemos aos pais e aos demais jovens que participaram do concurso. Foi muito importante pra nós porque essa é a primeira vez que o D.A.R.E. America convida um representante de fora dos EUA, e isso acontece quando Minas recebe mais uma vez a chancela de centro internacional para capacitação de mentores e instrutores para o Proerd”, explicou a subdiretora.

A SELEÇÃO

O D.A.R.E. America escolheu diretamente Minas Gerais para ter assento no conselho em função do histórico de trabalho feito no estado ao longo dos 19 anos em que Minas, via Polícia Militar, está credenciado ao D.A.R.E.
A PMMG realizou o concurso e teve 65 adolescentes inscritos, de 27 municípios de Minas Gerais, que se submeteram a uma criteriosa seleção com avaliação psicológica, teste de fluência oral e escrita na língua inglesa e entrevista com facilitadores Proerd.

Embaixador mineiro do Proerd se prepara para representar o Brasil nos EUA Embaixador mineiro do Proerd se prepara para representar o Brasil nos EUA
Embaixador mineiro do Proerd se prepara para representar o Brasil nos EUA Embaixador mineiro do Proerd se prepara para representar o Brasil nos EUA

Fonte: PMMG.

1

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*