Na Comunidade da Rocinha, policiais militares fluminenses atuaram em mais um dia de confronto

Uma postagem do portal da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ) informa que os profissionais fluminenses de polícia ostensiva e preservação da ordem pública atuaram, “nesta terça-feira” (30), na Comunidade da Rocinha, em mais um dia de confronto.

As ações e operações policiais militares, iniciadas em setembro de 2017, têm o objetivo de “prender criminosos e apreender suas armas” e, nas desenvolvidas “nessa manhã, [os] policiais [militares] do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) entraram em confronto com criminosos na rua do Valão.”

Em consequência do confronto, “dois homens foram feridos e socorridos ao Hospital Miguel Couto, mas não resistiram. Com eles foram apreendidos um fuzil AK47 e uma pistola Taurus 9mm. A ocorrência será registrada na DP da área.”

No posta encontra-se destacado o “saldo total” que registra os resultados contabilizados desde o início das operações até a manhã deste dia.

Transcrevem-se, em seguida, os seguintes registros:

SALDO TOTAL
[…]
Saldo operacional da atuação da Polícia Militar desde o dia 18/09/2017 até as 12h desta terça-feira, 29/01/2018.
• 83 presos
• 17 menores apreendidos
• 37 criminosos mortos
• 36 fuzis
• 03 submetralhadoras
• 06 espingardas calibre 12
• 54 pistolas
• 05 simulacros de fuzis
• 03 simulacros de pistola
• 61 granadas/ artefatos explosivos
• Mais de duas toneladas de drogas
OUTRAS INFORMAÇÕES RELEVANTES (desde o início das ações):
• 01 policial morto
• 08 policiais feridos
• 01 mulher morta (turista espanhola)
• 10 moradores feridos.

Com as informações da PMERJ

0

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*