200 kg de drogas apreendidos e dois homens presos pelos policiais militares alagoanos em São Miguel dos Campos-AL

 

Post publicado no portal da Polícia Militar do Estado de Alagoas (PMAL) informa os resultados de ações bem-sucedidas dos profissionais alagoanos de polícia ostensiva e preservação da ordem pública, com a apreensão de 200 kg de drogas e a prisão de dois homens flagrados, na prática criminosa de tráfico de entorpecentes, pelos policiais militares alagoanos no São Miguel dos Campos-AL.

As ações policiais militares foram desenvolvidas, na tarde da última sexta-feira (10), Policiais militares da 1ª Companhia Independente da PMAL e estão assim descritas no post publicado:

[…]
As equipes do Oficial de Operações e Radiopatrulha deflagravam a operação ‘Bloqueio’ no trecho da rodovia, a qual objetiva realizar abordagens a veículos particulares e coletivos, na intenção de apreender armas e drogas na região, quando o carro Honda CR-V, de cor prata, com placa de Brasília/DF chamou a atenção dos policiais.

O veículo, ao perceber a operação policial na rodovia, reduziu a velocidade e tentou mudar a trajetória da viagem, recebendo então a ordem de parada para ser abordado e esta foi desobedecida pelo condutor que empreendeu fuga; porém o suspeito não obteve êxito e foi interceptado.

Durante a busca veicular foram encontrados escondidos no porta-malas uma grande quantidade de substâncias entorpecentes, cerca de 200 quilos de maconha distribuídos em 251 tabletes, além de quatro aparelhos celulares.

José Clebson Vieira da Silva, de 33 anos, e Raika Barros Calixto, de 38 anos, estavam dentro do veículo e foram conduzidos à 6ª DRP. O casal foi autuado em flagrante delito por Tráfico de Drogas e associação ao tráfico.

Segundo o Major Renilson Dantas, comandante da Companhia, as realizações de operações na sua área operacional são frequentes. “Esta apreensão é a prova da eficiência de nossa tropa que frequentemente realiza ações assim para aumentar a sensação de segurança daqueles que trafegam na rodovia, bem como para coibir a entrada de materiais ilícitos em nossa região; uma vez que muitos criminosos tentam utilizar as rodovias como rota para seus atos delituosos”, destacou.

 

Fonte: PMAL.

0

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*