Polícia Militar de Rondônia iniciou último Curso de Formação de Soldados para candidatos sem formação no Ensino Superior

 

Um post com “texto jornalista Nonato Cruz – Lenilson Guedes”, da “Secom – Governo de Rondônia” e “fotos do Soldado PM Simplício”, foi publicado no portal da Polícia Militar do Estado de Rondônia (PMRO), informando que aquela Instituição Militar Estadual iniciou o último Curso de Formação de Soldados para candidatos sem formação no Ensino Superior.

Leia as informações do post publicado, no portal da PMRO, e transcrito a seguir:

Curso de Formação de Soldado (CFSd) da Polícia Militar de Rondônia, aberto oficialmente nesta segunda-feira (03), é o último em que os candidatos não precisam ter formação superior. Na palestra que fez aos 300 alunos, o governador Confúcio Moura anunciou que convidará o presidente da República Michel Temer para ira a Rio Branco (AC), ainda neste mês, para participar de debate com governadores da região sobre a guarda da fronteira amazônica.

A aula inaugural aconteceu nas dependências da Igreja Nova Aliança, no bairro Jardim Ipanema, em Porto Velho. Ex-sargento da PM de Goiás, Confúcio disse que ao assumir o governo em 2011, encontrou promoções represadas e salários que precisavam ser melhorados.

O governador lembrou aos alunos que onde estiver um policial lá estará uma autoridade do estado. “O comportamento do policial será o indicativo de que o governo é justo ou não”, acrescentou.

A carreira policial, agora, é mais atrativa e oferece melhores perspectivas. “Muitos conseguiram se formar em outras áreas. Outros, foram promovidos e são oficiais“, citou como exemplo.

F85A0848Os números dos avanços obtidos pela PM nos últimos sete anos foram anunciados pelo coronel Ênedy Dias, comandante geral da corporação. Ele apresentou números decorrentes das ações promovidas pela pasta e destacou que de janeiro a agosto deste ano foram registradas mais de três mil ocorrências a menos que no mesmo período em 2106.

O secretário de Segurança, Defesa e Cidadania, coronel Lioberto Caetano, falou aos alunos sobre a grandeza de firmar compromisso com a segurança da sociedade e da paz social. Ele também apontou os investimentos feitos na instituição em tecnologia, capacitação e aquisição de equipamentos mudaram as perspectivas dos policiais.

Para Caetano, a segurança pública depende muito do policial militar, uma vez que basta a presença física para garantir a paz em determinadas situações. “Além disto”, acrescentou, “cabe a este profissional o primeiro contato com o cidadão que necessita de segurança”.

As iniciativas da secretaria para garantir a segurança da população também foram citadas pelo secretário. Ele apontou o programa Rondônia Mais Segura, que envolve outros entes sociais e citou especificamente a Escola Manaus, localizada no bairro Mato Grosso, que adotou gestão híbrida, envolvendo professores civis e militares.

“Lá”, disse o secretário, “o índice de violência até no entorno da instituição começou a cair”.

F85A0792

PARCERIAS

Sobre o programa Rondônia Mais Segura, o governador explicou que é o reconhecimento de que os órgãos policiais não podem fazer sozinhos a segurança da população. “Polícia só não resolve. São necessárias parcerias”, arrematou.

F85A0895O governador falou de sua trajetória como policial militar em Goiás. Foi esta carreira, disse, que o fez chegar a ser governador de Rondônia. “Eu sou um produto da Polícia Militar”, concluiu.

O curso de formação de soldados terá 51 disciplinas, 1.608 horas/aula e será concluído no dia 21 de abril de 2018.

De acordo com o diretor de Ensino da Polícia Militar, tenente coronel PM Alexandre, a referida Atividade de Ensino, teve o seu início no dia 18 de setembro de 2017, “com a semana zero”. Sob a Coordenação do Capitão PM Miranda e sua equipe formada por 10 Oficiais e 16 Praças, os cerca de 300 Alunos a Soldado estarão sendo formados em um período de sete meses, onde serão ministradas 51 disciplinas teóricas e práticas, que somadas com os Estágios Supervisionado e de Operações na Selva, totalizarão 1.608 horas aulas de carga horária de Atividade de Ensino.

“O Curso homenageia o Marechal Cândido Rondon, personalidade emblemática na história do Brasil e do Estado de Rondônia, que chefiou a comissão responsável por construir as linhas telegráficas de Cuiabá a Santo Antônio do Madeira, a primeira a alcançar a região amazônica na época.

Posteriormente o percurso das linhas telegráficas foi usado para a construção da BR 364. Neste ano, foi comemorado exatos 110 anos da Comissão Rondon, e em 19 de janeiro de 2018, estará sendo completado exatos 60 anos da morte de Marechal Rondon.

O nome dos Pelotões do Curso: Destemido, Desbravador, Combatente, Pacificador, Pioneiro, Audaz, Lendário, Patriota e Centenário, faz referência a adjetivos dessa personalidade Militar ora homenageada.

O nome das Companhias: Forte Príncipe da Beira, Pacaás Novos e Território Guaporé, fazem menção à história de nosso Estado, bem como aos patrimônios históricos e naturais de nossa região.

Apresentação dos Coordenadores, Comandantes, Chefes e Diretores

5Y8A2136 1Ao término da solenidade da aula inaugural, o Comandante Geral da Polícia Militar, coronel PM Ênedy apresentou aos alunos os Coordenadores, Comandantes, Chefes e Diretores da Polícia Militar.

Coronel PM Ênedy, comandante geral, coronel PM Clairton, subcomandante geral, coronel PM Ranilson, Chefe do Estado Maior, coronel PM Lessa, Coordenador de Recursos Humanos, coronel PM Costa, corregedor geral, coronel PM Torres, coordenador de Planejamento Operacional, coronel PM Fábio, coordenador Administrativo, coronel PM Almeida, coordenador Regional de Policiamento I, coronel PM coordenador Regional de Policiamento III, tenente coronel PM Plinio, coordenador Regional de Policiamento II. Também foram apresentados os comandantes de Batalhões, Companhias, chefes e diretores.

 

Fonte: PMRO.

0

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*