Policiais militares participam da 22ª Operação Impacto em diversos municípios da Paraíba

No portal da Polícia Militar do Estado da Paraíba (PMPB), há uma notícia informando sobre o desenvolvimento da 22ª Operação Impacto, ativada na noite dessa quinta-feira (27), estendendo-se em todo o final de semana.

A previsão é empenhar cerca de 2 mil profissionais paraibanos de polícia ostensiva e preservação da ordem pública, “com foco nas cidades de João Pessoa, Santa Rita, Sapé, Campina Grande e Catolé do Rocha“.

Durante a operação programada, os policiais militares desenvolverão ações de polícia comunitária, além de “intensificar o policiamento com rondas, abordagens e blitzen, no combate aos crimes contra a vida e patrimoniais”.

Leia mais informações, na notícia publicada, no portal da PMPB, e transcrita em seguida:

[…]
Na zona sul da capital, policiais prenderam um casal suspeito de praticar vários assaltos em diversos bairros de João Pessoa. Uma adolescente de 17 anos e um jovem de 24 anos utilizavam uma moto para praticar delitos nos bairros de Mangabeira, Bancários, e foram detidos no Ernersto Geisel. Outros três adolescentes foram apreendidos suspeitos de roubar uma farmácia no bairro da Torre. Com eles foram encontrados os produtos do roubo, uma quantia de dinheiro e um simulacro de uma pistola calibre 9mm, que foi usada para anunciar o assalto.

Durante a Operação, a polícia conseguiu recolher 39 motocicletas que circulavam irregularmente. Vinte pessoas foram detidas por praticar direção perigosa em encontro marcado com motociclistas em João Pessoa, e além disso algumas motocicletas trafegavam sem itens obrigatórios.

Na noite da Operação Impacto, a Polícia Militar registrou uma redução de 80% nos crimes de roubo. Desde o lançamento da ação e até o meio-dia desta sexta-feira (28), nenhum crime contra a vida foi registrado. A intensificação das ações policiais ocorrerão durante todo o final de semana.

Fonte: PMPB.

0

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*