I Curso de Comunicação Social na PMDF.

Os profissionais de polícia ostensiva e preservação da ordem pública do Distrito Federal, além de um do Estado do Acre e outro do Estado do Rio de Janeiro serão qualificados para as atividades de Comunicação Social, que é uma das mais importantes funções policiais militares neste Século XXI.

As informações sobre I Curso de Comunicação Social da PMDF — 2017 — foram assim destacadas no portal daquela Instituição Militar Estadual:

Novos alunos do Curso de Comunicação Social da PMDF 2017 receberam boas-vindas durante a aula inaugural, na tarde desta segunda-feira (6), no Auditório do Comando Militar do Planalto, Setor Militar Urbano. Os jornalistas Giulianno Cartaxo e Alexandre Garcia foram os palestrantes.

Com 20 policiais militares inscritos, sendo um do Acre e outro do Rio de Janeiro, o curso tem o objetivo de capacitar os novos alunos para atuarem de forma eficaz e eficiente, além de dar enfoque na elaboração e compreensão da notícia, respeitando a linguagem e a formatação específica para jornais, revistas, rádio, televisão e internet.

O primeiro a fazer uso da palavra foi o coronel Cláudio Ribas, que na ocasião representou o governador Rodrigo Rollemberg, e parabenizou o ótimo trabalho que vem sido realizado pelo Centro de Comunicação Social da PMDF. “A informação tem que ser fidedigna, não pode ser manipulada, tem que ser verdadeira, transparente e acredito que hoje o CCS tem mais trabalhado em desfazer as informações que não são reais do que conseguir espaço na mídia para divulgar tudo que a Polícia Militar vem desenvolvendo de importante”.

Em seu discurso, o coronel Nunes destacou o importante papel de garantir a informação e transparência. “Comunicar o que fazemos é o direito da sociedade, porque trabalhamos muito e nem sempre conseguimos publicizar, nem sempre conseguimos mostrar os importantes feitos que fazemos no dia a dia em benefício da sociedade”, discursou.

O jornalista Giulianno Cartaxo destacou a evolução da percepção das pessoas em relação à Polícia Militar. “Hoje em dia, o cidadão está despertando para a necessidade de mudança na legislação para que o trabalho da Polícia Militar tenha um ciclo completo”, e reconheceu “o nosso foco nesse momento é fazer que o cidadão de bem saiba que ele não está sozinho. Tem centenas de homens e mulheres trabalhando, deixando as suas famílias, para garantir que possamos dormir tranquilos”, destacou.

Entre os assuntos abordados em sua palestra, Alexandre Garcia comentou sobre o Termo Circunstanciado de Ocorrência.”O Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) é uma realidade mundial e uma tendência aqui no Brasil, tendo em vista que a realização do TCO pelas Polícias Militares representa economia de gastos em relação ao deslocamento das viaturas para as delegacias e, ao mesmo tempo, atesta o serviço para o cidadão e mantém o cidadão na área”.

O evento contou com presença do coronel Cláudio Ribas, secretário de Estado e chefe da Casa Militar, do comandante-geral da PMDF, coronel Marcos Antônio Nunes, do chefe do Departamento de Educação e Cultura, coronel Sousa Lima, do coronel Helbert Borges Marins, chefe do Centro de Comunicação Social e coordenador do curso, do tenente-coronel Lemos do Exército Brasileiro, além de outras autoridades militares.

O curso tem duração de 170 h/a e o término está previsto para o dia 24 de abril deste ano.

Fonte e fotos destacadas: PMDF.

1

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*