Comando-geral homenageou policial militar sergipano que é artista do Forró

Uma postagem publicada no portal da Polícia Militar do Estado do Sergipe (PMSE), informa que o Comando-geral homenageou policial militar sergipano que é artista do Forró.

O policial militar sergipano homenageado é “o soldado Glaubert dos Santos” que, no “Batalhão de Polícia Rodoviária”, atua como profissional de polícia ostensiva rodoviária e de preservação da ordem pública, no contexto da segurança pública, cooperando com o cumprimento da lei e combatendo o crime nas estradas estaduais sergipanas.

Recentemente, o soldado Glaubert, que é, também, o Glaubert da Sanfona, um artista do forró, “demonstrou o seu talento na última quarta-feira (2) no Teatro Tobias Barreto, em Aracaju, quando emocionou o público presente na solenidade de promoção de oficiais e praças, ao tocar a canção Ave Maria Sertaneja de Luiz Gonzaga, em homenagem ao saudoso capitão Oliveira.”

Sua dedicação profissional, na PMSE, e seu talento musical, no mundo do forró, obtiveram o reconhecimento dos colegas de profissão. Por isso, o comando-geral homenageou policial militar sergipano que é artista do Forró, destacando-se “nos palcos sergipanos por levar ao público o melhor do autêntico forró”.

Então, “o comandante-geral, coronel Marcony Cabral, recepcionou o soldado e artista no Quartel do Comando, na manhã da sexta-feira (4). Na oportunidade, destacou-se, no post publicado, que “Glaubert recebeu um certificado como homenagem por enaltecer o nome da Corporação e valorizar a cultura sergipana.”

Agradecido, o soldado Glaubert manifestou-se, afirmando ter sido “surpreendido com essa homenagem que me deixou muito feliz. Esse reconhecimento, me deixa ainda mais honrado em servir à Polícia Militar”, declarou.

Em reconhecimento aos bons serviços prestados à Polícia Militar,

No portal da PMSE, o post publicado destacou:

Glaubert dos Santos Messias, atualmente lotado no Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv), apesar da pouca idade, já possui vasta experiência musical. Filho do saudoso sanfoneiro Ismael, Glaubert foi apresentado ao acordeon pelo próprio pai, de quem herdou, não só a veia musical, mas a paixão pelo instrumento.

Ainda criança, com apenas 10 anos, o policial conheceu o teclado, mas, o sangue de forrozeiro pulsou nas veias e o desejo de tocar sanfona veio à tona, conduzindo-o à Escola de Artes Valdice Teles, onde, aos 16 anos, iniciou os estudos de acordeon e Teoria musical. Em 2007, o músico passou a fazer parte da Orquestra Sanfônica de Aracaju. No ano seguinte, Glaubert recebeu o Troféu Sanfona de Ouro pelo destaque como sanfoneiro no São João de 2008.

comando-geral-homenageou-policial-militar-sergipano-que-e-artista-do-forro

Veja no vídeo abaixo uma apresentação do Glauber da sanfona


Com informações da PMSE

0

Policiais militares cearenses comemoraram o 183º aniversário da PMCE

Uma publicação no portal da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE), informa que os policiais militares cearenses comemoraram o 183º aniversário da PMCE.

Os eventos que marcaram as solenidades e celebrações festivas dos 188 anos de criação e instalação da Instituição Militar Estadual foram realizados no período de 17 a 24 de maio deste ano. Em todos eles, houve significativa presença dos profissionais cearenses de polícia ostensiva e preservação da ordem pública e dos cidadãos representativos das comunidades cearenses.

Na programação comemorativa, foram desenvolvidas atividades destinadas aos públicos interno e externo, com o objetivo principal de “aproximar cada vez mais a Polícia Militar da população”, segundo publicação de um post, no portal da d PMCE.

Programação ao público interno, na ocasião em que os policiais militares cearenses comemoraram o 183º aniversário da PMCE

Ao público interno, foram realizadas as seguintes atividades celebrativas e cívicos militares:

Abertura das solenidades

Desenvolvidas nos dias 17 e 18, o foco principal foi homenagear os membros da Instituição Militar Estadual e seus respectivos familiares.

Na manhã da quinta-feira (17), ocorreu, “o Hasteamento do Pavilhão Nacional, no Quartel do Comando Geral” e, “no “final da tarde,” foi celebrado “um Ato Ecumênico, prestigiado por diversas autoridades civis e militares.”

Na manhã da sexta-feira (18), muitos policiais militares e familiares participaram com comandante-geral — Coronel Ronaldo Mota Viana — de “um Café da Manhã” em obtiveram o reconhecimento do comando pelos serviços operacionais destacados, “no período de janeiro a abril do corrente ano”. Naquela ocasião, foram, igualmente “agraciados com certificados de Destaques Operacionais.” Posteriormente, “Ainda no dia 18, foi promovido um Almoço comemorativo para os Comandantes das Áreas Integradas de Segurança – AIS’s acompanhados de um Praça de suas unidades, na Caixa Beneficente dos Militares do Ceará – CABEMCE.” No evento, encontravam-se “o Coronel Comandante Geral, o Presidente da CABEMCE e seus conselheiros, além de outros convidados.”

Atividades esportivas e culturais

Os policiais militares cearenses comemoraram o 183º aniversário da PMCE, durante o desenvolvimento de uma série de “atividades esportivas, como o torneio de futebol, passeio ciclístico, circuito hípico, bem como eventos culturais como concerto musical, exposição no shopping, apresentação de talentos, entre outros.”

Destacaram-se também, as seguintes realizações:

    1. “II Torneio de Tiro Policial Coronel PM RR José Gilson Liberato, no SNIPER – Clube de Tiro, que contou com a participação de atiradores da Polícia Militar e convidados”;
    2. “Circuito Hípico Cel Moura Brasil, com prova hípica em quatro categorias (0,40m – 0,60m – 0,80m – 1,0m),”realizado no Regimento de Polícia Montada – RPMont,”prestigiado “com a presença do Coronel Comandante Geral, Ronaldo Mota Viana, do Tenente Coronel Ricardo Colares, Comandante do RPMONT, do Comandante do Policiamento Especializado, Coronel Antônio Aginaldo, além de outras autoridades civis e militares”;
    3. “II Torneio de Futebol de Campo” realizado “Nos dias 18 (sexta-feira) e 19 (sábado), no Quartel do Comando Geral” disputado por 16 equipes constituídas, “exclusivamente, por policiais militares da PMCE.” O principal objetivo do torneiro foi “a congratulação ao centésimo octogésimo terceiro aniversário desta douta Corporação Militar, além do estímulo à prática esportiva e à integração da tropa. A equipe campeã foi a do Batalhão de Policiamento Turístico – BPTUR, tendo como vice-campeã a equipe da Coordenadoria de Gestão de Pessoas – CGP, todos agraciados com medalha e troféu.”A importância das atividades esportivas foram assim destacadas pelo ” Tenente Coronel PM Clairton, Comandante do BPTUR, ” e dos policiais militares integrantes da euipe vencedora do torneio:

      […] quero frisar que não obstante nós termos recebido esta premiação de primeiro lugar, vencedores mesmo foram todos os times que participaram, que fazem parte da PMCE nesse momento de confraternização. Chegamos a final por mérito dos nossos atletas e nos consagramos campeões, mais uma vitória para o time do BPTUR, que já vem colecionando algumas vitórias”.

Atividades cívicos militares

As atividades programadas para o encerramento foram realizadas, na última quinta-feira(24), data, na qual se comemora anualmente o “aniversário da Instituição” Militar Estadual. Na ocasião, foi realizada “uma a Solenidade Cívico-Militar, no pátio externo do Quartel do Comando Geral, onde foram homenageadas diversas autoridades e policiais militares que contribuíram e continuam contribuindo para o engradecimento da Gloriosa Polícia Militar do Ceará.”

Aquela solenidade comemorativa, foi prestigiada com as presenças honrosas do “Secretário de Segurança Pública e Defesa Social, André Costa; o Coronel Comandante Geral da Polícia Militar do Ceará, Ronaldo Mota Viana; o Coronel Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do Ceará, Heraldo Pacheco; o Secretário Chefe da Casa Militar, Coronel Túlio Studart, além de outras autoridades e familiares.

No post publicado, no portal da PMCE, encontram-se igualmente destacados, os seguintes aspectos:
[…]

Na oportunidade, o Governador do Estado, Camilo Santana participou da entrega da Medalha do Mérito Policial Militar, a mais elevada condecoração da Polícia Militar do Ceará (50 agraciados); da Medalha Grande Mérito, destinada a pessoas que venham a contribuir, de forma altruísta e engajada com a Corporação e com a causa da Segurança Pública Alencarina (10 agraciados), entre os agraciados estava a primeira-dama do Estado, Onélia Santana; e da Medalha José Martiniano de Alencar, que também é uma condecoração da Polícia Militar do Ceará, agraciando aqueles que prestaram bons serviços à Polícia Militar do Ceará e à causa da segurança pública (183 agraciados).

Dentro das comemorações, a Corporação resolveu homenagear post mortem alguns dos valorosos policiais militares que fizeram parte da história da Instituição, representados por seus familiares. Na ocasião, foi promovido o Ex-1° Tenente PM Marcos Paulo Lira Ribeiro ao posto de Capitão PM, representado por sua viúva e sua mãe.

Também foi homenageado o Coronel Comandante Geral da Polícia Militar do Ceará, Ronaldo Mota Viana, pelo transcurso do seu natalício, comemorado também no dia 24 de maio.

Ao final da solenidade, aconteceu uma queima de fogos, uma apresentação da música “A Paz” e um desfile da tropa em continência às autoridades.

Finalizando a semana comemorativa, tivemos alguns eventos voltados ao público interno da Instituição. Entre eles, o Hasteamento do Pavilhão Nacional nos Batalhões aniversariantes, BPCHOQUE e RPMONT.

Programação ao público externo, na ocasião em que os policiais militares cearenses comemoraram o 183º aniversário da PMCE

As atividades celebrativas direcionadas ao público externo consistiram-se em:

Apresentações musicais e atividades lúdicas

As pessoas que estiveram “em alguns terminais de passageiros” puderam desfrutar das “apresentações da Banda de Música da Polícia Militar do Ceará, Major Xavier Torres, fazendo uma alvorada musical para os usuários do transporte público de Fortaleza.”

Duas atividades lúdicas e marcantes, durante os momentos em que policiais militares cearenses comemoraram o 183º aniversário da PMCE, foram realizadas, respectivamente nos dias 21 e 23 de maio.

A primeira foi realizada, na manhã da segunda-feira (21), “na Associação Peter Pan, com a participação de policiais militares do Canil/BPCHOQUE e de policiais militares músicos, interagindo com as crianças” e o evento foi prestigiado com a presença do “Coronel Comandante Adjunto, Adriano de Moura Soares.” Nesse mesmo dia, no “final da tarde do mesmo dia, aconteceu a apresentação de talentos da PMCE, contando com a participação de policiais militares com talentos voltados para atividades artísticas com músicas, shows de humor e desenhos de caricaturas. O evento foi realizado na Avenida Beira Mar, em frente ao Náutico Clube, aberto ao público.”

A outra atividade, “aconteceu no auditório do Centro de Referência em Educação e Atendimento Especializado do Ceará – CREAECE,” quando, na quarta-feira(23), se realizou “uma palestra sobre Polícia Militar e Libras, que teve como objetivo mostrar a sociabilidade em especial a comunidade surda. A palestra mostrou que os policiais militares também podem se comunicar em libras e em casos específicos realizarem abordagens desta maneira.” Nesse evento , houve significativa presença de “deficientes visuais, surdos, psicólogos, psicopedagogos, psicomotricistas, assistentes sociais, policiais militares e intérpretes de Libras.”

Exposições e atividades esportivas

No período de “17 a 20 de maio”, os policiais militares cearenses se mostraram ao público externo com “uma exposição com equipamentos, fardamentos, armamentos e viaturas da Gloriosa PMCE, no Shopping Rio Mar Kennedy, com visitação aberta ao público.” O foco do evento “visou interagir e estreitar a convivência da população com os profissionais de segurança pública, demostrando artigos e materiais utilizados no trabalho diário dos policiais militares.” No evento expositivo, a singularidade foi “apresentação do Veículo HUMAITÁ e um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas – Ciopaer.”

Mas, os policiais militares cearenses organizaram, também, “o II Passeio Ciclístico da PMCE”. A atividade esportiva foi realizada “no último dia 20 (domingo), aberto ao público. O momento foi marcado por um clima de confraternização e muita descontração entre os participantes.” Aconteceu, também, “no meio do trajeto, as pessoas tomaram um excelente café-da-manhã, ouviram boa música e contaram com a presença do ilustre Governador do Estado do Ceará, que pedalou ao lado da população, comemorando a implantação da Rodovia CE-010.”

Ao final, foi destacado, naquele post:

“PARABÉNS A TODOS QUE FAZEM PARTE DESSA LINDA FAMÍLIA CHAMADA PMCE!!”

Veja as fotos que registraram os momentos em que os policiais militares cearenses comemoraram o 183º aniversário da PMCE.

Com informações da PMCE>

0

Polícia militar paraibana capacitou 87 novos instrutores para o PROERD

A Polícia militar paraibana capacitou 87 novos instrutores para o PROERD, segundo postagem publicada no portal da Polícia Militar do Estado da Paraíba (PMPB), sendo 86 policiais militares paraibanos e um pernambucano. No post publicado foram evidenciados a importância do PROERD e o encerramento do seminário realizado.

A importância do PROERD

A importância da atividade instrucional e ora reconhecida, na PMPB, evidencia igualmente a importância do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência, conforme destacado naquele post, informando que:

O PROERD é a versão brasileira do programa norte-americano Drug Abuse Resistance Education-D.A.R.E, criado em 1993, em Los Angeles. Em 1993, o Proerd chegou ao Brasil, e em 1998, chegou à Paraíba. O Proerd é um programa internacional, presente em mais de 50 países, que é desenvolvido por todas as polícias militares do Brasil. Até o final do ano de 2017, o Proerd-PB já formou 269.102 crianças, adolescentes e adultos, através de seus currículos que atingem a Educação Infantil, Séries Iniciais e o Ensino Fundamental, além dos Pais e/ou Responsáveis. O Proerd desenvolve um trabalho de prevenção primária, sendo mais uma ferramenta da Polícia Comunitária, pois fortalece os vínculos entre a Polícia, a escola e a família.

Outra particularidade alcançada, e consequente do fato de que a Polícia militar paraibana capacitou 87 novos instrutores para o PROERD, reafirma o compromisso estratégico da Instituição Militar Estadual, na proteção da infância e juventude e respectivas comunidades, a exemplo do que fez recentemente as polícias militares maranhense, catarinense, sul-mato-grossense e as demais co-irmãs brasileiras.

O encerramento do seminário realizado

A Polícia militar paraibana capacitou 87 novos instrutores para o PROERD, durante a realização “do II Seminário Estadual do Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência-Proerd, no período de “23 a 25 de maio, no Centro de Educação, em Mangabeira”. E o encerramento das atividades aconteceu durante um evento muito significativo, realizado na última sexta-feira (25), pois “marcou o início das comemorações alusivas aos 20 anos de atuação do Proerd na Paraíba.”

O ato solene de encerramento do seminário — promovido aos 86 policiais militares paraibanos e um policial militar da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), foi prestigiado com as presenças “Subcomandante Geral Coronel Almeida Rosas, pelo diretor do Centro de Educação Coronel José Ronildo, pelos coordenadores Estaduais do Proerd de Pernambuco e do Rio Grande do Norte”, quando se realizaram:

[…] Várias homenagens foram realizadas durante o evento, onde foram destacados alguns militares que contribuíram para o sucesso do Proerd nos seus 20 anos de atuação na Paraíba, com a entrega de certificados e da Láurea do Mérito Educacional Pacificadora Zilda Arns, que é destinada a militares que contribuíram para as atividades educacionais e preventivas desenvolvidas pelo Proerd na Paraíba.

policia-militar-paraibana-capacitou-87-novos-instrutores-para-o-proerd policia-militar-paraibana-capacitou-87-novos-instrutores-para-o-proerd

Nas informações da capitã Polyanna Laura, foram ressaltadas as participações dos “(oitenta e seis) policiais da Paraíba, da Região Metropolitana e do interior do Estado, e de 01 (um) policial militar da Polícia Militar de Pernambuco”; dos “Instrutores de outras co-irmãs como Pernambuco e Rio Grande do Norte [que] atuaram na equipe de facilitação” e sobre o propósito do seminário, assim evidenciado:

[…]O objetivo da capacitação foi à atualização do currículo da educação infantil e séries inicias, que é direcionado para a prevenção primária. Este curso concluiu a tríade dos Currículos Proerd contemplados pela Metodologia Caindo na Real, baseada na Teoria da Aprendizagem Socioemocional.

Com informações da PMPB

0

130 kg de drogas apreendidos pelos policiais militares maranhenses

Um post publicado no portal da Polícia Militar do Estado do Maranhão (PMMA), informa que, no município de Paço do Lumiar-MA, registraram-se resultados bem-sucedidos alcançados com 130 kg de drogas apreendidos pelos policiais militares maranhenses e a consequente prisão de três homens suspeitos de tráfico de entorpecentes.

A operação policial militar foi desenvolvida, na tarde da última “terça-feira, 22, no Residencial Armindo Reis localizado, no município de Paço do Lumiar, no Estado do Maranhão. Nas ações de polícia ostensiva e preservação da ordem pública, participaram “policiais militares do 22º Batalhão de Polícia Militar”.

De acordo com as “informações do tenente-coronel Renato, comandante daquele unidade operacional, os “129 tabletes prensados de substância semelhante à maconha, equivalente a 130 kg da droga” foram encontrados na posse de “Maycon Macgaiver Teixeira Siqueira, Bruno De Oliveira Menezes e Luís Carlos Dos Santos”.

Consequentemente, o três homens suspeitos foram presos e conduzidos à “Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico- SENARC”, aonde foram entregues os 130 kg de drogas apreendidos pelos policiais militares maranhenses.

Com informações da PMMA

0

Apreensão de drogas e 2 suspeitos presos pelos policiais militares paraibanos

No portal da Polícia Militar do Estado da Paraíba (PMPB), uma postagem informa a apreensão de drogas e 2 suspeitos presos pelos policiais militares paraibanos e mais duas ocorrências, consequentes das ações bem-sucedidas realizadas pelos profissionais de polícia ostensiva e preservação da ordem pública.

Primeira ocorrência – apreensão de drogas e 2 suspeitos presos pelos policiais militares paraibanos

A droga apreendida, no último sábado, nos bairros de Cruz das Armas, Mandacaru e na comunidade do Porto do Capim, no Varadouro, no município de João Pessoa, Capital do Esado. da Força Tática do 1° Batalhão de Polícia Militar, da PMPB, durante operações Malhas da Lei e Nômade, totalizou quase 10 kg de maconha que foram encontrados em um terreno, na comunidade do Porto do Capim, no Varadouro. Registrou-se, também, a importante participação dos policiais militares “do Canil do Batalhão de Operações Especiais”, durante a Operação Nômade, inclusive, da “contribuição do cão Messi (da raça Labrador) para localizar os entorpecentes” que se encontravam “em tonéis, sacos plásticos e entre lixos.”

Outras ocorrências registradas pelos policiais militares paraibanos

A segunda ocorrência policial militar foi registrada, em Mandacaru, e encontra-se assim descrita:

[…] a operação Malhas da Lei prendeu o suspeito da tentativa de homicídio que aconteceu na noite da última sexta-feira (4), na rua dos Canos, no Padre Zé, onde deixou um jovem de 19 anos ferido a tiro. O suspeito do crime, que foi reconhecido pela vítima, tem 22 anos. Ainda na operação Malhas da Lei, os policiais do 1º Batalhão recapturaram um foragido do sistema prisional, de 39 anos, na rua do Rio, no bairro de Cruz das Armas.

As terceira e quarta ocorrências registradas resultaram das Prisões em Bayeux e foram assim descritas no portal da PMPB:

[…]
Três suspeitos de 26, 24 e 22 anos foram presos em flagrante, após roubarem dois celulares de um homem, no início da noite desse sábado (5), no bairro Alto da Boa Vista. Ainda na cidade, a PM prendeu em flagrante um homem que arrombou uma loja de caminhões para furtar objetos, no início da madrugada deste domingo (6), no bairro da Imaculada. O suspeito, de 50 anos, foi preso dentro do estabelecimento comercial.

As ocorrências foram registradas nas unidades de Polícia Judiciária, aonde foram apresentados os presos e entregues os materiais apreendidos.

Com informações da PMPB

0

Policial militar alagoano destacou-se na copa brasil de atletismo master

Uma postagem do portal da Polícia Militar do Estado de Alagoas (PMAL) informa que policial militar alagoano destacou-se na copa brasil de atletismo master, conquistando, respectivamente, medalhas de ouro, prata e bronze nos 100 Metros Rasos, Salto em Distância e Salto Triplo.

O policial militar ora citado é o cabo Luciano Pontes que alcançou bons resultados naquela competição, realizada no último “final de semana, entre os dias 27 a 29 de abril”, a exemplo do que aconteceu, “na semana passada”, quando “uma oficial da corporação conquistou o segundo lugar na “XV Corrida Tiradentes”, na Paraíba.

No post publicado, e sobre a participação do policial militar alagoano, na copa brasil de atletismo master, há, também, as seguintes descrições:

[…]
A delegação alagoana formada por oito atletas conquistou várias medalhas na competição realizada na cidade de João Pessoa, e conseguiram ainda vagas para o Troféu Brasil e Campeonato Sulamericano da modalidade, que acontecem nos meses subsequentes ao mês de junho, ou seja, após a Copa do Mundo de Futebol.

Atleta e integrante da Federação Alagoana Master de Atletismo, o cabo Luciano Pontes, único policial militar da equipe, conquistou as medalhas de ouro, prata e bronze nos 100 Metros Rasos, Salto em Distância e Salto Triplo, respectivamente. Ao disputar a prova dos 200 metros ele acabou se lesionando, porém concluiu o percurso sem desistir, mesmo chegando em último lugar, fato este que lhe fez sair ovacionado pelo público.

O policial comemorou o resultado, mas afirma que uma nova batalha começa agora. “Foram grandes resultados, que são reflexo dos treinos e superação pessoal. Agradeço primeiramente a Deus, ao Comando da Polícia Militar e da minha unidade operacional, o Regimento de Polícia Montada Dom Pedro II (RPMon), bem como a Associação de Cabos e Soldados (ACS) que não mediram esforços para que eu pudesse viajar e participar da competição. Minha disputa agora será buscar parceiros que nos ajudem com recursos para compra das passagens, hospedagem e custeio da viagem paras as etapas seguintes”, disse.

Esta não é a primeira competição que Luciano Pontes disputa. Além da Copa do Brasil de Atletismo Master, que reuniu atletas de 19 estados, ele disputou os campeonatos Alagoano e Pernambucano alcançando assim índices que o fizeram chegar tão longe.

Com informações da PMAL

0

Policiais militares paraibanos apreenderam 72 kg de drogas

Policiais militares paraibanos apreenderam 72 kg de drogas durante uma operação realizada, na Polícia Militar do Estado da Paraíba (PMPB).

As ações bem-sucedidas de polícia ostensiva e preservação da ordem públicas foram consequência da “Operação ROTAs – Rondas Táticas Avançadas, realizada pela Polícia Militar […], no fim da noite” da última “quarta-feira (2) nas cidades de Juarez Távora, Alagoa Grande e Guarabira, quando os policiais militares prenderam “três pessoas” e apreenderam, também, “munições e duas réplicas de pistolas”.

Outras informações sobre as ações dos policiais militares do 4º Batalhão da PMPB, da postagem publicada, no portal daquela Instituição Militar Estadual,encontram-se assim descritas:

[…]
Os entorpecentes estavam com uma mulher de 19 anos que vinha do Rio de Janeiro, e foram encontrados com ela dentro de um ônibus de turismo.

A droga, substância semelhante à maconha que estava dividida em tabletes, foi localizada em caixas de papelão, dentro de bolsas plásticas envolvidas por café e naftalina, substâncias usadas para disfarçar o cheiro e assim passar despercebida por cães farejadores. Segundo o tenente-coronel Gilberto Felipe, comandante do 4º Batalhão, unidade responsável pelo policiamento na área, a Operação ROTAs foi realizada nessa noite após informações colhidas e o trabalho da Coordenadoria de Inteligência da PM (COInt), realizado na região.

“A partir desse norteamento, identificamos que no trajeto entre as cidades de Juarez Távora, Alagoa Grande e Guarabira haveria passagem de pessoas com condutas criminosas associadas ao tráfico de drogas. Para coibir isso, realizamos a Operação, que culminou nesse resultado” explicou o oficial.

A abordagem à mulher, que vinha em um ônibus de turismo e que estava com o carregamento da droga, aconteceu por volta das 23h, na cidade de Juarez Távora. Já em Guarabira, cerca de 20 minutos depois da prisão da primeira suspeita, os policiais encontraram o casal que iria receber toda a carga de maconha. Um homem de 45 anos de idade e uma menor de 16 estavam em um veículo Fiesta da cor preta, e nele a PM localizou munições de calibre 38 e duas réplicas de pistola. No carro, também foi encontrado um caderno de contabilidade do tráfico.

Segundo o comandante do 4º Batalhão, o suspeito confessou que já respondeu na Justiça pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, e a mulher que vinha com os entorpecentes também assumiu a posse da maconha. Todo o material apreendido, drogas, suspeitos presos e a adolescente, foram encaminhados para a Delegacia de Guarabira, onde foram autuados por tráfico de drogas e porte ilegal de munição.

Com informações da PMPB

0

Policiais militares alagoanos apreenderam 48 kg de drogas

No portal da Polícia Militar do Estado de Alagoas (PMAL), uma postagem informa que os policiais militares alagoanos apreenderam 48 kg de drogas.

As ações bem-sucedidas dos profissionais alagoanos de polícia ostensiva e preservação da ordem pública foram desenvolvidas, na manhã do último domingo (29), numa abordagem a um ônibus que vinha de São Paulo e seguia com destino à cidade do Recife, capital do Estado de Pernambuco”, conduzida pelas “equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE)”.

A abordagem que levaram os policiais militares alagoanos apreenderam 48 kg de drogas aconteceu “durante uma operação realizada na BR-101 no município de Porto Real do Colégio, no Sul de Alagoas.” As vistorias rotineiras realizadas, no bagageiro daquele veículo, com o apoio do farejamento da cadela Bela favoreceu a localização das drogas apreendidas.

Na continuidade da ocorrência policial, realizada de forma integrada com os policiais civis alagoanos da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico da Polícia Civil de Alagoas, verificou-se que as “malas pertenciam a Luciana Maria dos Santos Silva, de 34 anos, e a uma adolescente [K. N. T. J.], de 17 anos”. Assim, a mulher foi presa e a adolescente aprendida, suspeitas do cometimento de crime pela posse de substâncias entorpecentes.

A mulher e a adolescente foram conduzidas à 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil, no município de Penedo-AL, aonde foram entregues os 48 kg de drogas.

Com informações da PMAL

0

Novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense

A Polícia Militar do Estado do Maranhão (PMMA) realizou mais um curso de instrutores para o Programa Estadual de Resistência às Drogas e à Violência – PROERD. Com isso são mais 40 novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense e das polícias militares piauiense e sul-mato-grossense.

Com a conclusão do curso, realizada na manhã da última sexta-feira (27), os policiais militares maranhenses, da capital e do interior, além dos outros das co-irmãs, “estão habilitados a atuarem na aplicação dos novos currículos Proerd” para os alunos “da educação infantil” e das 5ª e 7ª séries “do ensino fundamental na rede pública e privada” de educação dos respectivos estados.

Novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense

Outra certeza evidenciada é a de que o “programa também é uma importante ferramenta que fortalece os princípios de cidadania e promove a cultura de paz e a valorização da vida entre crianças, adolescentes e seus familiares”, pois esta é também a experiência dos policiais militares catarinenses, sul-mato-grossenses e dos demais estados brasileiros.

Ao evento cerimonioso da formatura do Curso de Instrutores do PROERD,  compareceram os familiares e convidados dos formados e participaram, também:

o comandante geral da PM, coronel Jorge Luongo, o subcomandante geral, coronel Pedro Ribeiro, a comandante de Segurança Comunitária e coordenadora do Proerd, coronel Maria Augusta, o diretor de ensino da corporação, coronel Laércio Ozorio Bueno, representantes do CAPS e da Alumar, além de comandantes de unidades da capital e do interior.

Sobre “a eficiência do Proerd e resultados obtidos com ações preventivas do programa educacional” e “o alcance do programa que se consolidou como uma poderosa arma da PM na prevenção do uso de drogas”, o comandante-Geral e a diretora de ensino da PMMA manifestaram respectivamdente, que:

Reconheço o poder transformador do Proerd e sua força de atuação nas ações preventivas no combate ao uso de drogas e prática de violência. Não só as crianças são transformadas, mas familiares são envolvidos nesse processo e o PM também torna-se um melhor profissional, um melhor pai, um melhor amigo.

Já atuamos em 145 cidades do Maranhão e este ano temos metas para ampliação do quadro dos instrutores capacitados e, também, investimentos em equipamentos e viaturas que reforçarão nossas ações tão importantes no trabalho de prevenção.

Novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense Novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense
Novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense  Novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense
 Novos instrutores do PROERD na Polícia Militar maranhense

A satisfação de concluir o Curso de Instrutor do Proerd foi, respectivamente, manifestada pelo tenente “Kleber Aguiar que trabalha no 31º BPM”, afirmando que ““Volto para minha cidade (Governador Nunes Freire-MA) trazendo na bagagem o que há de mais atual e eficiente sobre o conteúdo e aplicação do Proerd nas escolas”.

De modo semelhante, manifestou o “tenente Júlio Augusto Oliveira da PM de Mato Grosso do Sul”, que “elogiou qualidade do curso e alto nível da equipe de capacitação” ao expressar que “Valeu a pena vir de tão longe para além de obter a capacitação no curso do Proerd, conhecer novas realidades e trocar experiências com outros irmãos de farda”.

Com informações da PMMA

0

“A escola vai ao batalhão de choque” da Polícia Militar

No último sábado (28), o portal G1 COMO SERÁ? publicou que “A escola vai ao batalhão de choque” Polícia Militar.

A reportagem destacou “Um dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável propostos pela ONU é a erradicação da pobreza em todas as suas formas e em todos os lugares.” E “A escola vai ao batalhão de choque” Polícia Militar é um exemplo evidenciado, do mesmo modo como tem sido desenvolvido nas polícias militares de Mato Grosso; Paraíba e Minas Gerais; e de vários outros estados. E os esforços dos profissionais brasileiros de polícia ostensiva e preservação da ordem pública concorrem para o cumprimento do objetivo do desenvolvimento sustentável e favorecem a proteção das crianças e adolescentes contra ações de pessoas inescrupulosas a serviço do narcotráfico.

a- escola-vai-ao-batalhão-de-choque-da-polícia-militar

No vídeo da reportagem citada anteriormente, encontra-se, entre outras informações, que:

O projeto “A escola que vai ao Batalhão de Choque”, que funciona em Aracaju, vai ao encontro do primeiro Objetivo de Desenvolvimento Sustentável da ONU: erradicar a pobreza. Crianças, jovens e adultos participam das aulas de judô com o professor e policial militar Élvio Marcelo. Através do esporte ele ensina disciplina e responsabilidade, duas lições fundamentais para lutar pelo que se quer na vida.

a- escola-vai-ao-batalhão-de-choque-da-polícia-militar

O projeto “A escola vai ao batalhão de choque” da Polícia Militar, conforme mostrou o vídeo da reportagem é conduzido pelo cabo Élvio Marcelo, da Polícia Militar do Estado do Sergipe (PMSE). Destacado, também, como um dos projetos sociais de “erradicação da pobreza”, que é um dos objetivos do desenvolvimento sustentável,  “A escola vai ao batalhão de choque” da Polícia Militar, é, igualmente, consequência dos esforços dos policiais militares sergipanos.

Com informações da PMSE e do portal G1 COMO SERÁ?

0